Diário, Etecétera, Literatura

O melhor de Maio e Abril

Abril foi um mês mucho loco. Entrei pra faculdade. Ganhei promoção da Rádio Rock pra ir pra baladjênha e castrei a Nina. Além disso, tive uns ~probleminhas de saúde~ e estou fazendo trocentos exames (um inclusive envolvia ficar com o holter preso em mim durante um dia inteiro com um calor dos infernos). Ainda não se sabe se meu problema é no coração ou na tireóide mas vamos seguindo investigando, né?
Ufa.
E Maio passou voando. Tão rápido que nem vi chegar e vi menos ainda ele ir embora… e já estamos no meio Junho, esse mês cheio de delícias e com um friozinho maravilhoso!

Como não dei conta de postar em Abril, fiz um catadão dos dois meses, tá valendo, né? 🙂

Por aqui…

Super recomendo que vocês leiam o post da Patthy no Imaginalinda, da Taty no Enfim Beleza e da Luh no Miniatura de Perfume pra ver todos os pontos de vista sobre essa incrível jornada.

Por aí…

Já comentei algumas vezes que tenho sentido necessidade de diminuir o meu consumo e as minhas “posses” por assim dizer. Quando li esse texto simples e curto da Thais Godinho sobre algumas dicas para simplificar a vida, vi que transmite bem o que penso e anseio pra mim.

20160613_vidasimples

 

Vi essa postagem no blog da Thay (kibei mesmo), e ri muito lendo: vamos falar sobre casamento. A Ju, minha melhor amiga ~mais antiga~, vai casar agora em julho e estou tendo oportunidade de vivenciar boa parte desses dramas com ela. Por favor, leiam o post super bem humorado da Isadora, cêis merecem rir um pouco!

20160613_casamento

 

A Luh já tinha me falado algumas vezes sobre a Tati Feltrin, mas foi só vendo esse vídeo que eu realmente dei bola pra ela. Achei os comentários dela muito pertinentes no que diz respeito ao mercado editorial. Nunca tinha parado pra pensar nos livros vendidos mais barato nas bancas, por exemplo. Mas vão lá, assistam mesmo.

 

Adoro que o 360 Meridianos está longe de ser ~só~ mais um blog sobre viagens. Você já parou pra pensar nas consequências dos algoritmos que definem o que você vê na timeline de suas mídias sociais tem pra sua vida? Ok, você deixa de ver opiniões cm as quais não concorda mas em contrapartida acaba vivendo em uma bolha sem nem saber que existe um outro ponto de vista para determinado assunto.

20160613_bolhainformacao

 

Como não canso de repetir, o Coisas de Diva é meu blog de ~mulherzices~ preferido da vida e cada vez tenho gostado mais das reflexões propostas. Já tinha sacado há algum tempo que a Thais estava solteira e nesse post ela resolveu compartilhar dicas de como superar o fim de um relacionamento. Acho esse tipo de post extremamente válido! Ainda mais com os comentários abertos e uma leitora ajudando outra 😉

20160613_fimrelacionamento

Tocaí

Ouvi muuuita coisa boa esse meses porque resolvi consultar meu Shazam e baixar as músicas que reconheci com o app no últimos, sei lá, 2 anos. Dentre elas, estava “18 and a Life” do Skid Row. Essa sou eu, viciada em rock dos anos 80.

Aliás, talvez vocês conheçam outra música da mesma banda, “I Remember You”, que também adoro!

Aliás², consegui comprar de boinha os ingressos pro show de 50 anos do Scorpions em São Paulo, dia 03 de setembro. Nem acredito! Meus pais adoram a banda e vou conseguir levá-los pra assistir de perto*, fiquei tão feliz!

*nem tão de perto assim, pois vamos ficar na platéia superior 2. Repito: não tenho mais idade pra pista (e meus pais menos ainda) 😛

Leituras do mês

“Resposta Certa”, David Nicholls ★★★☆☆ (abril) – não tem jeito, cheguei à conclusão de que nenhuma obra do David vai conseguir superar “Nós” pra mim. Não que eu não tenha gostado desse, mas não achei nada OMG. COnta a história de um jovem inglês saindo de casa pra ir pra faculdade e tudo que ele enfrenta por lá. É bacaninha, mas não é essencial, não, viu.

“Depois a Louca Sou Eu”, Tati Bernardi ★★★★☆ (abril) – meu Deus, sou eu escrevendo? rs Fora o fato de que não tomo tarja preta, a Tati sou eu. Aliás, admiro o trabalho dela há muito tempo, desde que eu era uma jovenzinha anos procurando textos de como superar uma paixão não correspondida. As crônicas dela muitas vezes são confusas, como nossos pensamentos mesmo (sabe quando pulamos de um assunto pra outro na nossa cabeça? então, tipo assim), mas é uma DELÍCIA de ler. O livro é curtinho e recomendo demais.

“A Coroa”, Kiera Cass ★★★☆☆ ♥ (maio) – tá, eu sei que todo mundo odiou esse livro. Estranho também eu dar nota 3/5 e colocar um coraçãozinho, né? rs Mas, gente, não sei lidar com o tanto que gosto dessa série. A Eadlyn é insuportável? É, claro que é. Mas eu também já tive 18 anos e aposto que era muito pior, viu? Sem grandes spoilers, tenho a dizer que amei a escolha final (e posso gritar a plenos pulmões que “eu já sabia” porque até twitei sobre isso). Vejo problemas inúmeros na narrativa da Kiera. Vejo problemáticas muito mal aproveitadas. Vejo um desfecho corrido. Mas quando eu vejo o final, ó, só amor <3

“Nunca Jamais”, Colleen Hoover e Tarryn Fisher  ★★★★☆ (maio) – recebi esse livro da Galera Record e comecei a ler de imediato porque é super curtinho mas me enrolei com alguns trabalhos da faculdade e só fui terminá-lo ontem. É um livro de suspense com uma boa pitada de romance (aliás, ótimas cenas sexy-sem-ser-vulgar nele). Acabou DAQUELE JEITO e me deixou doida por uma continuação… e olha que eu não esperava nadica da história! Mas me prendeu muito!

Espero aos poucos conseguir voltar o ritmo normal do BeLivs porque me faz falta, viu? <3

Um beijo!

Previous Post Next Post

You Might Also Like

5 Comments

  • Reply Tatiana 15 de junho de 2016 at 14:09

    Vou assistir o vídeo da Tati depois, com certeza! Eu li o post sobre casamento e chorei de rir, isso porque eu tô longe de chegar nisso, então não tenho tanto com o que me identificar.
    Sobre os livros: Quero muito ler A Coroa, apesar de todas as críticas, Depois a louca sou eu também tinha me chamado muito a atenção, que bom saber que você gostou. Nunca, Jamais também me deixou curiosa, falam muito da escrita da Colleen Hoover e eu quero ler vários livros dela.
    Eu terminei ontem de ler Desde o primeiro instante, e vai ter resenha no blog, mas queria te dizer por aqui também: acho que você ia gostar desse livro. Tem algo que me lembra Simplesmente acontece nele, sabe? É muito fofo, adorei a leitura e tô até triste que acabou. haha
    Beijo, Lí!

  • Reply Luly 16 de junho de 2016 at 22:56

    A vibe do show do Iron Maiden deve ter sido MARAVILHOSA! Eu dou um azar danado porque sempre que eles vêm pra BH eu não posso ir, é impressionante.
    Seu post sobre a nova faculdade foi uma coisa linda de se ler, Livs… Sério mesmo, cada palavrinha dele dava uma boa sensação e eu espero que você esteja AMANDO tudo (mesmo que quando chega no fim do semestre a gente tenha vontade de gritar, sair correndo, desistir e etc, hahahaha)!

  • Reply Lu Cruz 17 de junho de 2016 at 11:35

    Nossa, que abril agitado. Espero que esse probleminha de saúde passe logo. O importante é investigar e tratar 😉 Quanto ao texto da Thais, eu adorei. Infelizmente as pessoas às vezes expõe tantas coisas da vida pesoal, e quando chega na hora de dividir os sentimenos, se fecham. É claro que esse é um direito de cada um, mas é sempre bom usar sua história e suas experiências para ajudar outras pessoas que possam estar passando pela mesma situação. Deixa eu parar porque sempre comento um texto gigante hahaha Beijos!
    Blog Vintee5 | Canal Vintee5

  • Reply Isa 3 de julho de 2016 at 11:50

    depois de MILÊNIOS venho aqui pra agradecer, de coração, o link! fico muito feliz que vc tenha gostado do texto – e que tenha te feito dar boas risadas! a gente tem que se divertir, né? obrigada! <3 beijos!

  • Reply Anne 4 de julho de 2016 at 13:56

    Eu já tinha lido o post da Isadora sobre casamento e ri demais! É tudo aquilo mesmo!
    Beijo

  • Leave a Reply